Inflamação no Apêndice- Apendicite

A apendicite é causada por uma infecção viral ou bacteriana ou por bloqueio do mesmo por gorduras e fezes. Seus principais sintomas são diarreia, calafrios, febre, náuseas e vômitos.

Como tratar a apendicite

A apendicite pode ser tratada por meio de antibióticos e anti-inflamatórios, além chás e outros remédios caseiros.

Remédios caseiros para apendicite

  • Coma 2 ou 3 cabeças de alho ao dia;
  • Beba suco de 1 limão várias vezes ao dia;
  • Compressa de argila com cebola ralada;
  • Beber muita água.

Chás:

Chá de sene:

  • 1 xícara de água;
  • 1 colher de (sopa) folhas secas de sene.

Beba quando estiver morno e sempre antes de dormir.

Chá de gengibre:

  • 1 colher de (sopa) de ralas de gengibre;
  • 1 copo de água.

Beba 2 ou 3 vezes ao dia.

Chá tanchagem:

  • 2 colheres de (sopa) tanchagem;
  • 1 litro de água.

Deixe ferver, espere 10 minutos e coe. Beba a cada 6 horas.

Medicamentos para apendicite

Anti-inflamatórios

ANTIBIÓTICOS:

Apendicite epiploica

A apendicite epiploica é uma situação inflamatória incomum, resultante da torção, diminuição da circulação sanguínea e inflamação voluntária de um apêndice epiploico.

O tratamento pode ser feito por meio de analgésicos e anti-inflamatórios, e em casos mais graves (se o apêndice romper), deve-se realizar uma cirurgia.

Apendicite na gravidez

Mulheres com apendicite na gestação podem fazer uma cirurgia sem complicações para o bebê. Porém, quando o apêndice eclode e não é retirado a tempo, podem surgir complicações na gravidez que colocam a vida do bebê e da mãe em risco.

apendicite em crianças

A apendicite em crianças é causada pela infecção do apêndice ou por um bloqueio do apêndice devido às fezes e/ou gorduras. Nos sintomas há febres, diarreias, vômitos e calafrios.

O tratamento pode ser feito por meio de analgésicos e anti-inflamatórios, e em casos mais graves (se o apêndice romper), deve-se realizar uma cirurgia.