» » Como Desinchar Espinha Inflamada

Como Desinchar Espinha Inflamada

Uma espinha inflamada pode ser tratada com gelo, pomadas e compressas mornas. Uma espinha inflamada no rosto, boca, nariz ou outro local causa inchaço, vermelhidão e dor e não deve ser espremida, já que isso pode piorar a situação.

Para desinchar uma espinha inflamada aposte no tratamento caseiro com aplicação de gelo e compressas mornas com chá de camomila e chá de bardana e no tratamento de farmácia com pomadas à base de Adapaleno e Peróxido de Benzoíla. As espinhas internas inflamadas também são amenizadas dessa maneira.

Remédios e Pomadas para Desinchar a Espinha Inflamada

As pomadas que tratam as espinhas inflamadas são utilizadas, geralmente, 2 vezes ao dia – pela manhã e à noite.

Você deve lavar o local antes da aplicação com sabonete neutro ou antisséptico, secando suavemente a região. Espalhe uma fina camada da pomada sobre as espinhas inflamadas e deixe que a pele a absorva completamente. Não esqueça de passar o filtro solar sempre que for se expor ao sol.

Evite que a pomada entre em contato com as roupas, pois podem surgir manchas ou haver descoloração do tecido.

  • Peróxido de benzoíla

As pomadas à base de peróxido de benzoíla, uma substância indicada especialmente para tratar a acne, podem ser compradas sem receita médica e são indicadas para quadros inflamatórios mais leves. Algumas delas são Acnase, Asepxia e Benzac.

  • Minancora

A minancora é uma velha conhecida de todos e também é indicada para tratar as espinhas inflamadas, já que proporciona efeito secante e antisséptico, além de aliviar a dor. Seu preço varia de R$ 5 a R$ 8.

  • Pomadas à base de Adapaleno

O adapaleno tem ação semelhante ao ácido retinoico e é muito eficaz no tratamento das espinhas inflamadas por possuir ação anti-inflamatória, regular a oleosidade, renovar a pele e acabar com as manchas.

As pomadas genéricas de Adapaleno custam de R$ 15 a R$ 49.

O adapaleno está geralmente associado à clindamicina, que possui ação antibacteriana, o que potencializa a sua eficácia no tratamento contra as espinhas inflamadas. Vale lembrar que pomadas com substâncias antibacterianas são vendidas apenas com receita médica.

  • Epiduo

Epiduo é composta por adapaleno e peróxido de benzoíla. Ela acaba com as espinhas, com a inflamação e ainda renova a pele totalmente, deixando-a mais firme e menos oleosa. O preço de Epiduo gira em torno de R$ 40.

Tratamento Médico para Espinhas Inflamadas

Quando as espinhas inflamadas começam a surgir em grande quantidade e não desaparecem com o tempo, é hora de procurar o/a dermatologista.

Poderão ser utilizados medicamentos tópicos (aplicados na pele) formulados à base de ácidos e substâncias antibacterianas, antibióticos tomados por via oral, produtos que diminuem a atividade das glândulas sebáceas e, em casos, mais graves, o medicamento Roacutan (Isotretinoína).

Chás e Remédios Caseiros para Espinha Inflamada

  • Compressas com chá de camomila

Você também pode fazer compressas com chá de camomila, que é calmante e anti-inflamatório. Basta aplicar o chá morno sobre a espinha com a ajuda de um algodão ou gaze até que esfrie. Faça as aplicações durante todo o dia.

  • Gelo

O gelo também é um ótimo remédio natural contra o inchaço. Mas não o coloque diretamente sobre a pele, e sim envolto em um pano fino. Deixe agir por 5 minutos no local, espere alguns minutos e aplique novamente. Você pode repetir as aplicações durante todo o dia.

  • Compressas com chá de bardana

Você também pode apostar no chá de bardana para fazer compressas mornas na espinha inflamada. Aplique a compressa por 20 minutos, 2 vezes ao dia, por até 7 dias.

O chá possui propriedades antisséptica, adstringente, antibacteriana, calmante e cicatrizante – uma combinação perfeita para tratar as espinhas inflamadas!

  • Aspirina

Para amenizar o inchaço causado pela espinha inflamada, alguns comprimidos de aspirina se transformam em um remédio poderoso.

Esmague 2 comprimidos de aspirina junto com água morna até formar uma pasta e aplique sobre a espinha durante 15 minutos, lavando depois com água fria. Faça o procedimento à noite, antes de dormir.

Remédios Caseiros para Espinha Interna Inflamada

  • Chá preto, chá de camomila ou chá verde

Ferva um sachê de qualquer um desses chás em 100 ml de água e aplique-o diretamente sobre a espinha interna inflamada, deixando agir até o sachê esfriar por, no mínimo, meia hora.

Esses chás contêm propriedades calmante e anti-inflamatória e ajudam a aliviar a dor, o inchaço e a vermelhidão da espinha. Você também pode fazer o chá como de costume e aplicá-lo com a ajuda de um algodão ou gaze.

Faça as compressas durante todo o dia.

  • Chá de bardana

A compressa com o chá de bardana também pode ser utilizada para tratar uma espinha interna inflamada da mesma maneira: faça as aplicações do chá em forma de compressa quente por 20 minutos, 2 vezes ao dia, por até 7 dias.

  • Água quente

Se procura por mais praticidade, você pode fazer as compressas apenas com água quente sobre as espinhas internas inflamadas.

  • Gelo

Aplicar gelo na espinha interna inflamada é indicado especialmente para os casos em que ela está em seu estágio inicial. Envolva um cubo de gelo em um pano fino e aplique sobre a espinha durante 5 minutos. Depois espere mais 10 minutos e faça outra aplicação.

Repita o procedimento durante 1 hora, todos os dias, até que a espinha desapareça!

O gelo previne o desenvolvimento da espinha porque cura a inflamação. Além disso, ele também anestesia o local e alivia a dor. O gelo também pode ser aplicado da mesma maneira mesmo quando a espinha já está maior.


Espinha Inflamada e Infeccionada: Como Acabar com o Inchaço no Rosto?

O tratamento de espinhas inflamadas e infeccionadas é feito com antibióticos e deve ser prescrito exclusivamente pelo médico. Nesse caso, são utilizados remédios por via oral e por via tópica – diretamente na pele. Procure o dermatologista.

Atualizado em: 04/09/2018 na categoria: Inflamações na Pele